Vesúvio

As Frenéticas

Compositor: Eduardo Dusek

Não vou contar só pra vocês
Tudo que me aconteceu
Tô de saída pra beber
Quem sabe de mim sou eu
Meu coração é um dilúvio
No sexo eu sou um Vesúvio
(Quem se molha comigo não fica mal)
(Quem seca demais quer temporal)

Por isso agora eu quero um táxi
Que me pegue, que me leve
Arrastando sem pagar
até Copacabana
Eu quero um homem
que não marque do meu lado
que se vista de pecado
sem pirar nesse programa
Eu quero money
que nos tire dessa sina
pois é só com grana em cima
que compensa ser famosa
(É impossível admitir e continuar charmosa)

Vou me molhar com a lua
Lá na praia com alguém
Onde tem palmeira nua
e água morna pro meu bem
Nas minhas cadeiras o que é que tem?
tem, tem, tem, tem, tem
tem reggae, rumba, maxixe, rock
e samba também
(Sai da praia, garoto, e rola a nota
que eu quero ver)
Não vá me procurar, não vá me procurar,
não vá me procurar
Fui pro Amazonas, tô em São Paulo,
vou pra Bahia
(tchá, tchá, bum, tchá, tchá, tchá, bum)
E Rio de Janeiro também

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital